Bovinos, Suínos e Equinos – Especialidades Farmacêuticas – Outros

[voltar atrás]

Indupart Solução Injetável
Embalagem de:   
20 ml
indupartemb20 2

Substância activa: D-Cloprostenol (como D-cloprostenol sódico) 75 μg
Espécie alvo: Bovinos, Suínos e Equinos
 
BOVINOS
Indicações: Sincronização ou indução do estro; Indução do parto; Disfunção do ovário (corpo lúteo persistente, quistos luteínicos); Endometrite/piómetra; Involução uterina retardada; Indução de aborto na primeira metade da gestação; Expulsão de fetos mumificados.
Posologia: Administrar 2 ml de medicamento veterinário, equivalente a 150μg de substância ativa: Sincronização do estro: administrar o medicamento duas vezes, com um intervalo de 11 dias entre cada dose. Proceder seguidamente com duas inseminações artificiais em intervalos de 72 e 96 horas a partir da segunda injeção.Indução do estro (também em vacas com cios silenciosos ou fracos): administrar o medicamento veterinário após ter sido estabelecida a presença de um corpo lúteo (dia 6-18 do ciclo); o cio geralmente ocorre dentro de 48-60 horas. Proceder seguidamente com a inseminação 72-96 horas após injeção. Se o estro não for evidente, a administração do medicamento tem de ser repetida 11 dias após a primeira injeção.Indução do parto após o dia 270 de gestação: administrar o medicamento após 270 dias de gestação. O parto geralmente ocorre dentro de 30-60 horas após o tratamento.Disfunção do ovário (corpo lúteo persistente, quistos luteínicos): quando a presença do corpo lúteo é determinada, administrar o medicamento, depois inseminar ao primeiro estro após a injeção. Se o estro não for evidente, realizar mais exames ginecológicos, e repetir a injeção 11 dias após a primeira administração. A inseminação deverá sempre ser realizada 72-96 horas após a injeção.Endometrite, piómetra: administrar 1 dose de medicamento veterinário. Se necessário repetir o tratamento após 10 dias.Indução de aborto na primeira metade da gestação (até ao dia 150 de gestação): administrar o medicamento na primeira metade da gestação.Expulsão de fetos mumificados: administrar 1 dose de medicamento. A expulsão dos fetos é observada dentro de 3-4 dias após a administração do medicamento.Involução uterina retardada: administrar o medicamento veterinário e, se considerado necessário, efetuar umou dois tratamentos sucessivos com 24 horas de intervalo.
Intervalo de segurança:Carne e vísceras - 0 horas; Leite - 0 dias 
 
SUÍNOS
Indicações: Indução do parto.
Posologia: Administrar 1 ml de medicamento veterinário, equivalente a 75 microgramas de d cloprostenol/ animal, por via intramuscular, não antes do dia 114 de gestação. Repetir após 6 horas. Alternativamente, 20 horas após a dose inicial, pode ser administrado um estimulante do miométrio (oxitocina ou carazolol). Seguindo o protocolo da administração dupla, em aproximadamente 70-80% dos animais, o parto ocorre durante o intervalo de 20 e 30 horas após a primeira administração.
Intervalo de segurança: Carne – 1 dia 
 
EQUINOS
Indicações: Indução da luteólise em éguas com um corpo lúteo funcional.
Posologia:Éguas: Indução da luteólise em éguas com um corpo lúteo funcional: Administrar 1 ml de medicamento veterinário, equivalente a 75 μg de substância ativa.
Intervalo de segurança:
Bovinos: Carne e vísceras - 0 horas; Leite - 0 horas
Suínos: Carne e vísceras - 1 dia; Leite - NA
Equinos: Carne e vísceras - 2 dias; Leite - 0 horas

 
 
Para mais informações consulte a nossa Monofolha Indupart pdf_button
l